Rede Nossa: Para esse pequeno guaramirense, o amor pela música não tem idade

Por: Eduardo Klemtz
Foto: DIVULGAÇÃO
Compartilhe

Com apenas 8 anos de idade, Gustavo Bardim sabe muito bem que o sucesso pode ter o seu ônus e bônus. Focado em uma carreira promissora desde cedo, ele é natural de Guaramirim e vem se destacando na cidade e região como cantor. O pequeno talento faz aulas de música desde os 7 anos no colégio Evangélico Jaraguá, onde estuda. Ele também faz aulas de canto na Scar e participa do coro infantil da Igreja Evangélica Luterana em Guaramirim. Com uma vida resumida em música, Gustavo realiza diversas apresentações em centros culturais e grandes eventos como o FEMUSC. “Logo quando bebê eu e minha esposa cantávamos bastante para ele. Sempre nos chamou a atenção a noção de ritmo e a facilidade que ele tinha pra cantar desde pequeno. Quando participávamos de alguma festa onde havia música, ele logo se aproximava do palco. Quando o Gustavo iniciou as aulas de violão na escola, foi orientado e incentivado pela professora a fazer também aulas de canto. Neste momento é que começou realmente a paixão por cantar. Eu sempre gostei de tocar violão em casa e ele ficava por perto... Mas não sei se se daria para dizer que foi uma influência. Também teve uma boa contribuição do pastor da nossa igreja, que incentivou bastante ele convidando para cantar em homenagens, bodas, etc. Em resumo, entendemos que o nosso filho foi abençoado por Deus com esse dom de cantar, e o conjunto de fatores mencionados acima ajudaram a aflorar esse dom”, explica o pai, Júlio Cesar Bardim.

Sempre ligado na música pop, sertaneja e gospel, Gustavo demonstra uma sensibilidade muito grande através da música e emociona com melodias que tenham mensagens falando de Deus, de família e de amizade. Em relação aos artistas, ele gosta muito de Ed Sheeran, Melim, Michel Teló, Gusttavo Lima, Beatles, Rosas de Saron, entre outros.

Com um carisma inigualável nos palcos e também nas telinhas, não havia dúvidas de que Gustavo precisava criar o seu próprio canal do YouTube, alavancando a sua carreira para o território nacional, com fãs e admiradores de todas as partes do Brasil. “A ideia do canal iniciou logo após uma apresentação que o Gustavo fez na casa de uma amiga, que voltava de um retiro, quando os tios ajudaram ele a filmar a apresentação e lançaram a ideia do canal. No início não queríamos muito, pois não gostamos muito de exposição, mas como o Gustavo gostou e ele apresentava uma desenvoltura cada vez melhor na música, acabamos fazendo. Com o passar do tempo o Gustavo se sentiu cada vez mais à vontade e criou gosto pelos vídeos. Com a chegada da pandemia, acabamos tendo mais tempo para se dedicar ao canal, postando vídeos semanalmente. Hoje temos muito prazer em fazer cada um dos trabalhos postados e pretendemos nos dedicar para melhorar cada vez mais, pois percebemos que o amor do Gustavo, pela música, está aumentando a cada dia”, revela o pai.

Segundo Júlio Cesar, Gustavo é um menino muito dedicado e organizado e ele deixa claro que existe uma conciliação entre a música e os seus estudos, que também são importantes para o seu futuro. “Não é muito difícil conciliar as atividades, pois ele gosta muito de ambas. Ele estuda no período matutino e logo após o almoço já realiza as tarefas da escola. Na parte da tarde ou início da noite, participa das atividades extras (música e futebol). Como não moramos na região central da cidade, acabamos tendo uma certa dificuldade em relação ao deslocamento, mas a mãe leva e acompanha as crianças nas atividades extracurriculares com muito amor”, frisa.

Quando questionado sobre a carreira e se vai seguir ela profissionalmente no futuro, Gustavo ainda não tem essa certeza, mas uma coisa é certa: A paixão pela música estará para sempre junto com ele. “Como a maioria dos meninos da idade dele, o Gustavo adora jogar bola, e ele tinha muita vontade de ser jogador de futebol. Hoje ele continua praticando futebol, mas afirma que seu sonho mesmo é ser cantor. Ele fala que quer levar alegria e mensagens positivas para as pessoas através da música. Entendemos que ainda é cedo para falar em carreira ou profissão, mas com certeza vamos apoiá-lo no que ele desejar para a sua vida”, adiciona a mãe Juliana Ristau Bardim.

Atualmente, os parentes de Gustavo são os seus maiores incentivadores. Todos estão empolgados e sempre dando a maior força para a carreira do pequeno músico. “Minha esposa e eu temos ciência da pouca idade do Gustavo e tentamos tomar muito cuidado para que ele possa realizar todas as atividades que uma criança da idade dele precisa. Queremos que ele leve uma vida normal, simples e possa ter um crescimento saudável e equilibrado em todos os aspectos”, encerra o pai.

Veja também

Rede Nossa: Secretário de Saúde sobre nota da Associação Médica: Reflete a situação de Jaraguá do Sul diante do Covid
Associação médica se pronuncia diante do quadro atual de ocupação de leitos de UTI no município que chegou a 100%.
Rede Nossa: Lunelli busca ações em conjunto com municípios do Norte de SC para frear a pandemia
Prefeito de Jaraguá do Sul conversou com representantes da Amunesc e Amvali
Rede Nossa: Confira a previsão do tempo para este fim de semana em toda Santa Catarina
Temperaturas no final de semana variando entre 17º e 29º C em Jaraguá do Sul e região.
Rede Nossa: Projeto que institui Parada Segura passa por 1a votação
O PL é de autoria do vereador Luís Fernando Almeida (MDB) e foi assinado também pelos vereadores Anderson Kassner e Nina Santin Camello, ambos do PP, e Sirley Schappo (Novo).
Rede Nossa: Jovem de 24 anos envolveu-se em acidente com moto e estava sem carteira de motorista
O fato ocorreu na rua Américo Costa, em Três Rios do Sul, Jaraguá do Sul,