Rede Nossa: O bartender que reinventa a moda em Jaraguá do Sul

Por: Charles Siemeintcoski Foto: DIVULGAÇÃO
Compartilhe

Nada mais reconfortante do que estar em uma festa e perceber que no local há um Bartender! Sim, este termo pode parecer estranho para alguns, mas aos frequentadores e degustadores de bons “drinks”, o termo soa perfeitamente alvissareiro, pois tomar um drink feito por estes profissionais, é tudo de bom!

Este é o caso de bartender Natan, mais conhecido como Natan Berri ou, para os frequentadores do seu ofício, o Natan Drinks. Com 36 anos bem vividos, Natan diz que após abrir uma loja e não ser bem-sucedido no negócio, recebeu o convite de um amigo para trabalhar como barman, com a finalidade de fazer prazerosas caipirinhas. “Mas aí eu tomei o gosto pela coisa. Fui atrás, me especializei e tudo foi acontecendo”, lembra com entusiasmo. “Estou na área há quatro anos e trabalho com minha própria plataforma de drinks: quem quiser me contratar, por exemplo, terá todo um serviço de degustação antes”, avisa. De criador de caipirinhas, o bartender Natan é um verdadeiro gênio na elaboração de drinks que proporcionam muito olfato e paladar. “Nunca esqueço em dizer que drink é 70% olfato e 30% paladar”, explica o mago das misturas inteligentes.

Natan é chamado para eventos de casamentos, de culinária, restaurantes e se aperfeiçoa com empresas de renome no mercado de bebida. Ele faz trabalhos para o comércio em geral, aliado a um grande público diferenciado que curte muito seu trabalho. Natan drinks sempre busca agregar valor nos seus eventos que costuma promover. O bartender conta com uma equipe especializada de pessoas que se envolvem diretamente com o trabalho Natan, dando suporte e total apoio ao seu job.

Especialidades
Natan cria sua própria identidade – conhecido como releituras- quando o assunto é criação de drinks. “Eu pego, por exemplo, um Dry Martini e faço a seguinte pergunta: o que eu posso elaborar dentro da fusão dos ingredientes que compõem este drink? A gente tem que buscar o equilíbrio, para não alterar tanto o sabor, a acidez”, explica. “É dos drinks clássicos que saem as grandes invenções na área”, lembra o especialista.

O curso serve para todos os públicos. A base de você aprender um coquetel, é aprender os clássicos primeiramente, saber a origem do coquetel. Perguntado pela Revista Nossa quais são os drinks mais pedidos, o bartender diz que é necessário falar de “modinha”, como se fosse uma espécie de “as mais”. “O Moscow mule, o Gym, com uma pegada mais forte, com fusão de ervas (o grande diferencial de Natan) são algumas das modinhas ainda muito pedidas” .

Sobre o Gym, o criador de drinks diz que estava tudo pronto para ministrar um curso sobre esta interação entre esta bebida e ervas e xaropes, mas que devido pandemia, tudo ficou para frente. Outro ponto importante na carreira de Natan é quanto ao atendimento que se fornece ao cliente. Para ele, é preciso tentar entender o público, suas demandas e consequências, para “fornecer um melhor atendimento”. “Para isso percorre os restaurantes da cidade à noite, jantando e conhecendo melhor a real necessidade de demanda”, finaliza.

DRINK DE INVERNO
50 ml de vodka
20 ml suco de limão
20 ml de xarope de limão
10 ml de xarope de gengibre
Completar a gosto com Wewi de gengibre e finalizar com espuma de gengibre
Decorar com hortelã e alecrim

Veja também

Rede Nossa: Secretário de Saúde sobre nota da Associação Médica: Reflete a situação de Jaraguá do Sul diante do Covid
Associação médica se pronuncia diante do quadro atual de ocupação de leitos de UTI no município que chegou a 100%.
Rede Nossa: Lunelli busca ações em conjunto com municípios do Norte de SC para frear a pandemia
Prefeito de Jaraguá do Sul conversou com representantes da Amunesc e Amvali
Rede Nossa: Confira a previsão do tempo para este fim de semana em toda Santa Catarina
Temperaturas no final de semana variando entre 17º e 29º C em Jaraguá do Sul e região.
Rede Nossa: Projeto que institui Parada Segura passa por 1a votação
O PL é de autoria do vereador Luís Fernando Almeida (MDB) e foi assinado também pelos vereadores Anderson Kassner e Nina Santin Camello, ambos do PP, e Sirley Schappo (Novo).
Rede Nossa: Jovem de 24 anos envolveu-se em acidente com moto e estava sem carteira de motorista
O fato ocorreu na rua Américo Costa, em Três Rios do Sul, Jaraguá do Sul,
Rede Nossa: Homem tem dia de fúria e depreda comércios e carros na Vila Nova em Jaraguá do Sul
O autor se tratava de um jovem de 20 anos de idade, encontrava-se alterado e com lesões nos braços.