Mudança no modo de vida requer equilíbrio de corpo, mente e espírito

Por: Revista Nossa Foto: DIVULGAÇÃO
Compartilhe

Atualmente, grande parte da população busca alternativas para viver com mais plenitude, garantindo longevidade e, consequentemente, mais saúde. O estilo de vida saudável ganhou milhares de adeptos nos últimos anos, seja com foco em emagrecimento ou apenas para assegurar uma rotina mais equilibrada.

Engana-se quem pensa que, para isso, é necessário grande investimento financeiro. Segundo a médica nutróloga Cristiane Molon, a vida saudável está acessível a todos. “Conquistar mais qualidade de vida não é algo inatingível. Pequenos hábitos podem gerar grandes transformações de dentro para fora”, indica.

A especialista explica que, para alcançar a melhora da qualidade de vida, é necessário encontrar formas de estabelecer a harmonia de todos os pilares, não apenas da alimentação e da atividade física. “Além disso, é preciso gerenciar o sono e o estresse e estabelecer equilíbrio emocional e espiritual”, destaca.

Hábitos essenciais

- Sono de qualidade: dormir mais cedo, antes das 23h, garante um sono reparador e relaxante. O ideal é optar por um quarto bem escuro e se desconectar de equipamentos luminosos, como TV e celular. É fundamental se desligar, deixar as preocupações de lado. Outra indicação é usar técnicas respiratórias para esvaziar a mente antes de dormir.

- Redução de açúcar: esse ingrediente altera os neurotransmissores cerebrais relacionados ao bem-estar, deixando quem consumiu agitado e inquieto. A nutróloga recomenda substituí-lo pelo açúcar natural das frutas, assim como diminuir a quantidade no café e no chá e a ingestão de guloseimas.

- Corpo em movimento: quando se pratica algum exercício, o organismo é estimulado a liberar endorfina, relacionada à energia e disposição. A sugestão da especialista é encontrar uma atividade que seja prazerosa e incluí-la na rotina cinco vezes por semana com, no mínimo, 20 minutos de duração.

- Gerenciar o estresse: a médica nutróloga indica que o primeiro passo é identificar a origem do transtorno e buscar medidas para amenizá-lo. Fazer pausas durante o dia ajuda a relaxar. Deve-se evitar levar trabalho para casa e trabalhar nos fins de semana. É preciso tirar um tempo também para o lazer e o descanso. 

- Saúde emocional e espiritual em foco: não existe saudabilidade se a mente não está em ordem. Meditar ajuda a enxergar situações desagradáveis com mais clareza. Tentar ver o lado positivo e conversar sobre as emoções minimizam as dificuldades. A médica ainda ensina outros truques para acalmar a mente, como observar a respiração, silenciar e tirar o foco do problema. Sair para se divertir, ter um hobby, dançar, ter amigos e criar o hábito de agradecer fortalecem o equilíbrio corpo e mente. O contato essencial com a natureza também auxilia as pessoas a se conectarem consigo mesmas.

Sobre a Dra. Cristiane Molon

Médica especializada em nutrologia com pós-graduação em Prática Ortomolecular e em Saúde da Família. Para conferir outras dicas, basta segui-la nas redes sociais. www.cristianemolon.com.br

Veja também

Palco itinerante de Natal começa hoje a circular pelas ruas de Jaraguá
Roteiro segue até domingo por todas as regiões da cidade.
Festival de Teatro tem duas noites de apresentações
Ao todo 18 peças serão encenadas entre hoje e amanhã no palco do Pequeno Teatro da SCAR.
Feira do Livro atrai visitantes com preços atrativos
Além dos stands, programação inclui ainda uma série de atividades gratuitas.
Femusc 2022 será de 16 a 29 de janeiro
Uma das novidades do festival será um programa de música antiga.
Samae decora espaços com material reciclável
Criatividade e sustentabilidade podem ser vistas nas áreas públicas adotadas pela autarquia.