Ministério da Saúde recomenda suspender vacinação em adolescentes

Por: Revista Nossa Foto:
Compartilhe

 

Entre as justificativas, a pasta ressaltou que a Organização Mundial de Saúde não indica a imunização para pessoas entre 12 e 17 anos     "Os benefícios da vacinação para os adolescentes sem comorbidades ainda não estão claramente definidos", informa a nota do MS | Foto: João Gabriel Alves/Enquadrar/Estadão Conteúdo

O Ministério da Saúde (MS) publicou uma nota informativa em que recomenda a suspensão da vacinação contra a covid-19 de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidade ou deficiência permanente. O documento foi elaborado ontem à noite, quarta-feira 15, e assinado pela Secretária Extraordinária de Enfrentamento à Covid, Rosana Leite de Melo. As informações são da rádio CBN.

Assim, a nova recomendação do MS para essa faixa etária fica restrita a três perfis:

• adolescentes com deficiência permanente

• adolescentes com comorbidades

• e adolescentes privados de liberdade.

O MS voltou atrás, contrariando uma outra nota em que recomendava a vacinação para adolescentes. Para justificar a nova orientação, a pasta ressaltou que a Organização Mundial de Saúde não recomenda a imunização de crianças e adolescentes, com ou sem comorbidades. Ainda, “a maioria dos adolescentes sem comorbidades acometidos pela covid-19 apresentam evolução benigna, apresentando-se assintomáticos ou com o poucos sintomas”.

“Os benefícios da vacinação para os adolescentes sem comorbidades ainda não estão claramente definidos”, informa a nota.

 

Veja também

As mulheres o tabagismo e a gravidez
Conheça os riscos e livre-se o quanto antes desse hábito nocivo.
Dia Nacional de Combate a Sífilis chama atenção para a doença
O dia 16 de outubro marca a data, mas orientações, testes rápidos e acesso facilitado ao tratamento fazem parte da rotina diária da saúde.
Boletim coronavírus do dia 21 de outubro de 2021
Nas últimas 24 horas foram 25 novos casos e 50 pessoas recuperadas.
Vacinação de adolescentes contra a Covid é retomada em Jaraguá
Quem tiver idade entre 12 e 17 anos pode procurar a Central de Vacinas acompanhado dos pais ou portando declaração que os autoriza a tomar o imunizante.
Fiat Pulse: primeiro SUV da marca é lançado em Jaraguá do Sul
Modelo chega ao mercado com o motor mais potente da categoria e valor abaixo do esperado.