Campanha incentiva a doação de leite humano

Por: Revista Nossa Foto: WEART
Compartilhe

O dia 19 de maio foi escolhido para celebrar o Dia Mundial da Doação de Leite Humano. Os estoques dos Bancos de Leite Humano (BLH) são mantidos pela doação das mulheres lactantes. Então, a ocasião reforça a importância desse ato de generosidade para ajudar as pequenas vidas que, por algum motivo, ainda não podem contar com o leite da própria mãe para se alimentar. 

Neste ano, o tema escolhido para reforçar a campanha de doação no Brasil foi "Gotas de amor para um mundo melhor”. Para a enfermeira, Laudineia Lessa, que atua no BLH do Hospital Jaraguá, o tema deste ano ajuda a desconstruir a crença de que a mãe precisa doar uma quantidade muito grande para ajudar. “O leite humano é considerado o melhor alimento para as crianças, então cada gotinha é muito valiosa para os bebês prematuros que precisam”, garante.

E de gotinha em gotinha o BLH do Hospital Jaraguá distribuiu 570 litros de leite humano só no ano passado. O volume beneficiou 508 bebês internados na maternidade. Para realizar este trabalho, o setor recebeu a doação de 496 mamães lactantes, que se comprometeram com a causa doando o próprio leite em benefício de outros bebês.

“As doadoras de Jaraguá do Sul, Corupá, Massaranduba, Schroeder e Guaramirim também podem doar o seu leite sem precisar sair de casa. Todas as quintas-feiras a nossa equipe passa nas residências para buscar o leite retirado ao longo da semana. Elas recebem todas as instruções sobre como proceder para manter o leite apto para doação”, conta a enfermeira.

Todo leite doado a um Banco de Leite Humano é analisado, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade. Após esse processo, o alimento é estocado em freezers e pode ser consumido pelas crianças por até seis meses. Os vasilhames também são etiquetados para garantir a procedência e o prazo de validade.

O leite é distribuído aos bebês prematuros internados. De acordo com Laudineia, geralmente as crianças que contam com este alimento têm baixo peso – menos de 2,5 quilos – e patologias, principalmente do trato gastrointestinal.

 

Como faz pra doar?

O primeiro passo é entrar em contato com o BLH mais próximo para receber as primeiras instruções do processo de doação de leite humano. As mamães lactantes da região de Jaraguá do Sul podem entrar em contato com o BLH do Hospital Jaraguá pelos números (47) 3274- 3053 e (47) 99992 6197 – WhatsApp. 

Vale ressaltar que o BLH do Hospital Jaraguá é reconhecido na categoria ouro pelo programa Ibero-americano, uma premiação que reconhece o comprometimento da instituição, profissionais e doadoras no ato de salvar vidas oferecendo uma alimentação natural aos prematuros.

 

Veja também

Encontrada mulher desaparecida na Praia Brava
O desaparecimento de Simone estava sendo divulgado por amigos
Dono de construtora de Balneário Camboriú é executado dentro de loja
Ele foi morto a tiros e polícia acredita que pode ter sido um latrocínio    
Prefeitura adere ao programa Sebraetec
Cidade será a primeira cidade do Estado a desenvolver o programa, que visa apoiar micro e pequenas empresas.
Cresce o movimento nas farmácias SUS do município
No mês de junho mais de mil atendimentos foram registrados ao dia.
GLOBO é condenada a pagar indenização milionária a ex- apresentadora.
Ela deixou a emissora em janeiro do ano passado.