Adrenalina: o que considerar na prática de voo livre?

Por: Revista Nossa Foto: Divulgação
Compartilhe

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação divulga o caminho seguro para quem quer praticar o voo livre com tranquilidade. Claro que tem que ter coragem e curtir adrenalina para se aventurar voando num parapente, mas quando a aventura tem como guia um instrutor experiente e com muitas horas de voo tudo fica mais tranquilo. O gerente de turismo, Rafael Koerich explica que o número de pilotos de voo livre tem crescido nos últimos anos em Jaraguá. “Mas é necessário ter cautela na hora de escolher o instrutor que vai praticar o voo duplo. Temos seis instrutores credenciados junto ao Jaraguá Clube de Voo Livre (JCVL) que são pilotos experientes, com o mínimo exigido de horas de voo e que oferecem segurança àquelas pessoas interessadas nesse tipo de aventura”, ressalta Koerich.

Escolha de um bom instrutor é essencial para garantir a segurança do voo livre.

Ao procurar um instrutor credenciado, o interessado recebe orientações antes do voo e transporte 4x4 até o Morro das Antenas, onde há rampas específicas para o voo livre. Tem ainda acesso à equipamento seguro de ponta. Também pode contratar, junto ao instrutor, serviço de registro fotográfico, de filmagem ou ainda de 360°. O preço de um voo duplo varia de R$ 300 a 600. Para informações sobre os instrutores credenciados ou sobre a JCVL, acesse o Instagram @viverjaragua, do setor de turismo da prefeitura.

Veja também

Dia Internacional do Idoso será comemorado no Parque da Inovação
Confira programação completa deste domingo.
Prefeitura altera sentido de ruas no bairro Ilha da Figueira
Quem trafega pelas Ruas Raulino Kreis e Antônio José Gonçalves deve tomar cuidado a partir da semana que vem.
Meninas do vôlei de praia seguem no estadual
De acordo com técnico, dupla tem condição de brigar pelo pódio na fase final.
Prefeitura e IPHAN estudam destino do recurso remanescente do TAC Rio da Luz
Termo de Ajustamento de Conduta prevê investimentos em ações de manutenção e valorização dos bens culturais.
Praça no Nova Brasília é revitalizada
Espaço ganhou novos bancos, piso de paver e iluminação de led.