Jaraguá do Sul realiza abertura do 14º Parajasc nesta quarta-feira (10)

Saiba tudo sobre os jogos

3 min para ler 10 out, 18

Foram três meses de dedicação e cerca de 100 pessoas envolvidas na organização. Agora, está tudo pronto para o início do 14º Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc). Com a promessa de levar uma das edições mais inesquecíveis na história da competição, a cidade de Jaraguá do Sul será a casa do paradesporto catarinense até o próximo domingo (14). Com conceitos simples, mas projetado com tons marcantes, a cerimônia de abertura será realizada às 19h30 desta quarta-feira (10), na Arena, trazendo apresentações culturais, desfile de representantes de cada um dos 46 municípios participantes, juramento do atleta que será feito pelo jaraguaense Luis Henrique Tomaselli, do atletismo, além do acendimento da pira olímpica, com Alex Pereira, da bocha, e Vinicius, do atletismo, ambos da Apae de Jaraguá.

Publicidade

feijoada-moa2

Tudo ministrado pelo cerimonialista e jornalista Mario Motta. “Tivemos pouco tempo para preparar os jogos, mas nossa equipe da CCO se engajou de tal forma, que conseguimos junto com a Fesporte, tentar formar a melhor estrutura para receber os paratletas. Os últimos dias foram bem corridos, mas está tudo resolvido e espero que todos se sintam em casa”, disse a presidente da CCO (Comissão Central Organizadora), Cleide Mosca. Ainda nesta quarta, mas no período da manhã, está reservado o início da classificação funcional dos paraatletas, em que uma equipe especializada faz uma análise completa dos participantes definindo o grau de deficiência em que eles se encaixam nas modalidades em que participarão. Essas avaliações serão feitas tendo como parâmetros as deficiências física (DF), visual (DV), intelectual (DI) e auditiva (DA). A expectativa é de que 1.720 paratletas estejam na cidade para disputa de 10 modalidades: atletismo, basquete, bocha, ciclismo, futsal, goalball, handebol, natação, tênis de mesa e xadrez, que se desenrolam em 13 locais de competição.

parajasc-2018-2

Expectativa dos anfitriões
Tendo como grande novidade a volta do tênis de mesa após um ano ausente, o ‘Time Jaraguá’ será composto por 61 integrantes, grande parte oriunda da Apae e incrementada com alguns membros da Secel e de Guaramirim, que não foram inscritos pela sua cidade e irão representar Jaraguá do Sul. Eles competem na bocha DI; atletismo DI, DF e SD (Síndrome de Down); natação DI e DF; tênis de mesa DI e futsal DI. No ano passado, Jaraguá somou 38 medalhas (14 de ouro, 14 de prata e 10 de bronze), 3 troféus (2 de ouro e 1 de prata), e uma 9ª colocação geral. “Não pensamos muito em resultados, mas queremos manter a média dos últimos anos. Não temos tantas novidades no grupo, então devemos seguir com um bom número de medalhas no Parajasc”, projetou Karine Festugato, chefe de rendimento da Secel.

Publicidade

kantan-gif-360x360

Inovação nas piscinas
O período de preparação foi curto, mas a CCO arregaçou as mangas e levou a sério o objetivo de tornar a 14ª edição do Parajasc em uma das melhores da história. Além de locais imponentes a serviço dos competidores, como Arena, Arthur Muller e Centro Esportivo Municipal Murillo Barreto de Azevedo, por exemplo, a cidade de Jaraguá do Sul trará uma grande novidade na competição. Com trabalho em conjunto da Apae, Secel e da técnica Verônica Paciello, a natação paradesportiva jaraguaense vem apresentando uma evolução gradativa no número de praticantes. E esse crescimento fez com que a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer investisse na compra de um elevador para levar os cadeirantes até a piscina. Nunca visto na competição, o equipamento já foi instalado e será inaugurado no Parajasc. “Não tenho dúvidas de que será uma edição inesquecível. A Secel abraçou o evento e Jaraguá do Sul tem a organização como característica. Então temos a certeza que a CCO não mediu esforços para fazer com que todos que vierem se sintam bem acolhidos. Todas as praças esportivas estão em ótimo estado e só tenho a agradecer pelo empenho da cidade”, destacou Natália Lúcia Petry, presidente da Fesporte.

parajasc-2018-3

Locais de competição

  • Acaraí – Natação e bocha (DI e DA);
  • Arena Jaraguá – Basquetebol e handebol (DF); Armalwee – Futsal (DI); Arsepum – Bocha e futsal (DF e DA);
  • Arthur Müller – Basquetebol (DI); Centro Esportivo Murillo Barreto de Azevedo – Atletismo; Clube Beira Rio – Bocha (DF) e goalball;
  • Clube Atlético Baependi – Bocha (DI);
  • Clube de Bocha Arduino Pradi – Bocha (DI);
  • Parque Municipal de Eventos (pavilhão A) – Tênis de mesa e bocha paralisia cerebral;
  • Parque Municipal de Eventos (pavilhão C) – Xadrez e Bocha (DV);
  • Sociedade Desportiva e Recreativa Amizade – Bocha (DI);
  • Rota dos Hotéis – Ciclismo
Fonte: Avante Esportes