Corupá entra no roteiro dos passeios de Maria Fumaça

As duas primeiras viagens de Maria Fumaça para turistas e moradores da região ocorrem em outubro

4 min para ler 3 out, 18

As belezas da Serra do Mar com suas cachoeiras e rios límpidos, construções antigas e lindas casas do interior com jardins floridos e plantações bem cuidadas, além de comidas típicas e uma calorosa receptividade, são alguns dos  atrativos que integram o inesquecível passeio do trem Maria Fumaça que agora Corupá passa a integrar com São Bento do Sul e Rio Negrinho. No domingo passado (30/9), Corupá realizou o passeio inaugural com a presença de autoridades da região e pessoas ligadas ao trade turístico de Santa Catarina e entrou oficialmente para o roteiro do passeio que antes ocorria mensalmente somente nas duas cidades do Serra. A inauguração da nova rota do passeio contou com um evento de boas-vindas dos convidados e com o prefeito de Corupá João Carlos Gottardi quebrando uma garrafa de champanhe como forma de marcar o momento muito significativo para o município que depois de cerca de 25 anos passa a ser roteiro mensal novamente de trem de turismo.

dscn9674

“Corupá dá mais um grande passo para fortalecer ainda mais o turismo em nosso município e região com os passeios de trem que passam a ser oferecidos mensalmente. Estamos aproveitando o potencial turístico único e diferenciado que temos nesta região para nos projetarmos como rota turística para visitantes de todo o Brasil. O turismo é uma atividade econômica que pode trazer muito retorno para população de nosso município e da região”, comenta o prefeito.

Publicidade

gif-bread-burguer

No passeio inaugural do domingo passado estiveram presentes cerca de 200 pessoas entre prefeitos de cidades da região, secretários e coordenadores municipais de turismo e representantes de agências de turismo e que tiveram a oportunidade de conhecer e roteio de Maria Fumaça e que serão também grandes propagadores deste produto turístico integrado oferecido por Corupá, São Bento e Rio Negrinho. Além da saída do trem de Corupá, em São Bento do Sul, também ocorreu a inauguração da reforma e melhoria da estação ferroviária do bairro Serra Alta, batizada de Centro Turístico Cultural Ferroviário Osmar Anton Mallon, e do Museu da Música Maestro Pedro Machado de Bitencourt que conta com um acervo de materiais ligados à história musical de São Bento, como instrumentos, quadros, fotos, partituras, discos, toca-discos e acessórios.

dscn9727

O secretário de Turismo, Esporte e Lazer de Corupá Juliano Millnitz comenta que a inclusão de Corupá no roteiro dos passeios de trem da Serra do Mar também chamado de “Trem das Cachoeiras” só foi possível graças à mobilização do poder público em parceria com o trade turístico de Corupá e região como uma opção a mais de turismo oferecida pelas cidades que integram o Consórcio Quiriri (Corupá, São Bento, Campo Alegre e Rio Negrinho) e a confiança e apoio da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), do Centro de Memória Ferroviária e a empresa Rumo (concessionária da ferrovia).  “Com este passeio de trem, pretendemos atrair no fim de semana do evento, cerca de mil pessoas para nossa cidade e região, entre turistas e pessoas que virão ao município para conhecer a Maria Fumaça. Para isso, o roteiro foi programado de uma maneira que o turista possa vir para passear de trem e também pernoitar em nossa cidade e fazer um tour afim de conhecer todos os atrativos que oferecemos”, completa Juliano.

 Passeio pela Serra do Mar

A locomotiva a vapor usada para o passeio entre Corupá e Rio Negrinho é a Mikado 760, de fabricação da Badlwin e ano 1945. Muito bem conservada e com seus vagões remetendo a decoração da década de 1940, a charmosa Maria Fumaça faz literalmente o passageiro viajar no tempo.   O passeio de Maria Fumaça percorre cerca de 60 quilômetros com opções de saída de Corupá ou de Rio Negrinho e duração da viagem de trem de até 6 horas, contando com as paradas. Após o trajeto de trem, o retorno dos passageiros para o local de embarque é feito de ônibus. O ponto alto do passeio é quando o trem atinge o meio da Serra do Mar e que os passageiros podem avistar cachoeiras, rios, vegetação nativa e passar por túneis, viadutos e pontes.

Publicidade

feijoada-moa2

O trem segue pela ferrovia em meio à mata atlântica e corta também estradas do interior passando por bairros e o centro das três cidades chegando até uma altitude de até mais de 800 metros. O roteiro da viagem prevê paradas para almoço típico polonês e até café colonial, incluindo apresentações artísticas e opções de esporte e lazer. O diretor administrativo da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) Ralf Ilg, explica que o passeio de trem entre São Bento e Rio Negrinho está consolidado desde 1995 e antes ocorria em Corupá somente em ocasiões especiais. Agora, segundo Ralf, os turistas terão um roteiro diferenciado com um trajeto ampliado e com ainda mais atrações para aproveitar com Corupá na rota mensal dos passeios de Maria Fumaça.

dscn9769

 Pacotes já estão sendo comercializados
As duas primeiras viagens de Maria Fumaça para turistas e moradores da região ocorrem nos dias 13 e 14 de outubro. Sendo que no sábado (13) o passeio de trem sai de Rio Negrinho de manhã passa por São Bento do Sul com parada para almoço típico e chegada em Corupá à tarde. No domingo (14), a locomotiva sai de Corupá e segue para Rio Negrinho e também oferece opções de alimentação e passeio.

Os valores variam de R$ 159,00 a R$ 223,00 por pessoas, sendo que mais detalhes sobre o que oferece cada pacote podem ser consultados com os credenciados para comercialização. Em Corupá, os pacotes podem ser adquiridos na Destino Agência de Viagens & Hostel, por meio do telefone (47) 99924-4064 ou pelo site da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF) http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/#Santa_Catarina