Jonas e Natália deixam cargos na prefeitura

Surgem mais dois pré-candidatos a Assembleia Legislativa

1 min para ler 9 abr, 18

Jonas e Natália deixam secretarias de olho nas eleiçõesjonas-rbn

Ex-Secretário de Saúde, Jonas Schmidt

E a lista de pré-candidatos a deputados estaduais não para de aumentar. A novidade agora é o nome do secretário de saúde de Jaraguá do Sul, Jonas Schmidt, do DEM, que pediu exoneração do cargo na sexta-feira, dia 6 de abril, para cumprir a lei eleitoral. Outra pré-candidata é Natália Lúcia Petry (PMDB) que deixou a Secretária de Cultura, Esporte e Lazer, pedindo exoneração também na sexta-feira (06). Se Natália optar por reassumir o cargo de vereadora, o suplente, Jaime Negherbon, deixa o legislativo. Jonas disse que a decisão foi tomada após conversar com lideranças estaduais do partido. “Tomei uma das decisões mais difíceis que tive que tomar. Solicitei a minha exoneração do cargo de Secretário da Saúde para que eu possa me dedicar ao projeto da pré-candidatura a Deputado Estadual. A saída foi obrigatória devido as exigências da lei eleitoral. Sei que não será uma tarefa fácil, mas torna-se necessário nosso envolvimento. Desafios existem para que enfrentemos com determinação e vontade. Agradeço a todos que de forma direta ou indireta contribuíram para que nosso trabalho na secretaria fosse bem sucedido e pela oportunidade de estar à frente desta pasta nesta trajetória” declarou.

Jonas Germano Schmit, 54 anos, é natural de Massaranduba, formado em Administração, mudou-se para Jaraguá do Sul em 1984, trabalhou na empresa WEG por 34 anos, foi professor universitário na UNERJ, onde lecionou no curso de Sistema de Informação e Pós graduação. Foi candidato a vereador em 2016 recebendo 1.404 votos, ficando na segunda suplência.

s-i-11-08-39

Ex-Secretária, Natália Lúcia Petry

Recentemente, a professora Natália foi convidada pelo governador do Estado, Eduardo Pinho Moreira, para assumir a Fundação Catarinense de Esporte. Nesta segunda-feira (9), Natália informou que ainda estava analisando esta possibilidade. No entanto, acrescentou que solicitou seu desligamento dentro do prazo exigido pela justiça eleitoral – de seis meses antes das eleições – com base na hipótese de concorrer a uma vaga à Assembleia Legislativa, nas eleições de outubro deste ano. Natália não descarta ainda a possibilidade de assumir a cadeira no Legislativo Municipal. O prefeito Lunelli deixou aberta a opção da ex-secretária retornar para a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. Atualmente, ela é a presidente do MDB de Jaraguá do Sul.

Nos próximos dias, o prefeito Lunelli pretende apresentar o nome dos novos titulares das Secretarias. No momento os mais cotados para assumirem, interinamente, na saúde, é o atual diretor, Dalton Fischer e na Cultura, Augustinho Ferrari.

ÁUDIO: JONAS SCHMIDT:

img_0589-estewww.albinoflores.com.br