Fisioterapeuta Bruno Francisconi estampa a capa da Revista Nossa

Confira a entrevista exclusiva com o profissional

5 min para ler 15 jun, 18

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% das pessoas já sentiram ou irão sentir dores nas costas ao longo da vida. O problema é a segunda maior causa de visitas ao consultório médico e perde apenas para a cefaleia. Mas há outros dados importantes a serem avaliados quando o assunto envolve coluna. Segundo o fisioterapeuta Bruno Francisconi, da Smart Fisio – ITC Vertebral de Jaraguá do Sul, assusta a idade dos pacientes que têm buscado tratamento. “Hoje grande parcela das pessoas que procuram atendimento tem entre 23 e 38 anos de idade e a principal vilã é a má postura”, afirma.

bruno3

Fisioterapeuta Bruno Francisconi, da Franquia ITC Vertebral em Jaraguá do Sul.

O uso exagerado das tecnologias é apontado como um dos motivos que levam ao descuido, assim como o fato de muitas pessoas trabalharem sentadas e adotarem estilos de vida sedentários. “Uma dica que sempre dou se refere a tablet’s e celulares. Devemos evitar ficar muito tempo com o pescoço para baixo quando estamos utilizando-os. Também é preciso policiar nossa postura mesmo quando fazemos movimentos corriqueiros, como agachar e girar o tronco”, diz. A boa notícia é que cada vez mais surgem alternativas de tratamento eficazes e especializadas para livrar os pacientes da cirurgia e permitir que levem uma vida normal e produtiva.

Publicidade

kantan-gif-360x360

Em Jaraguá do Sul a solução chegou no final do ano passado. É Bruno quem comanda a franquia da Smart Fisio – ITC Vertebral na cidade e, a partir de uma avaliação minuciosa, traça um plano de tratamento para cada paciente que vai muito além da fisioterapia convencional. Segundo ele, esses métodos já foram ultrapassados e oferece em seu lugar equipamentos modernos, tais como a mesa de flexodistração, que permite movimentos de flexão, extensão, látero-flexão e rotação da coluna; mesa de tração electrónica, que ajuda na descompressão da coluna; o Stabilizer, que contribui na estabilização segmentar vertebral e preconiza fortalecer os músculos que protegem a coluna e finalmente a osteopatia e fisioterapia manual. Aos 29 anos de idade e formado fisioterapeuta desde 2012, Bruno possui seis especializações e atualmente se dedica à pós-graduação na Escola de Osteopatia de Madrid, considerada a melhor do mundo. Além disso, sua clínica conta com o suporte e a experiência da franquia ITC Vertebral, que está há 15 anos no mercado e carrega com orgulho dois prêmios nacionais na área. “Outro ponto forte é o atendimento personalizado. Observo o paciente desde o momento em quem ele entra no consultório e durante a avaliação já sei quais as melhores técnicas a serem aplicados no seu caso. O tempo de tratamento, claro, varia, mas digo sempre que a melhor resposta para o meu trabalho é não ver mais o paciente depois que o tratamento acaba, o que significa que nosso índice de resolutividade é alto”, destaca.

Publicidade

oral-unic

Ele ressalta que a principal queixa durante as consultas ainda está relacionada à Hernia de Disco, que inclusive deixou de ser considerada uma “doença da terceira idade”. Crianças e adolescentes chegam acompanhados dos pais reclamando de dores nas costas e cada vez mais o problema atinge pessoas em idade economicamente ativa. Bruno aconselha buscar ajuda o mais cedo possível, pois, quando descoberta precocemente, a hérnia pode ser reabsorvida pelo organismo. “Claro que isso não se aplica àqueles pacientes que sofrem com dores há cinco ou dez anos, mas mesmo esses podem sair do consultório e finalizar o tratamento com muito mais qualidade de vida sabendo quais os melhores exercícios a serem feitos em momentos de crise e evitando problemas graças aos cuidados na hora de sentar e agachar.

bruno4

O diferencial da clínica está no atendimento personalizado e no tratamento que busca as causas dos problemas na coluna, não agindo somente sobre a dor.

Manter-se em movimento é recomendado
Concluído todo o tratamento, com o paciente sem dor e a musculatura fortificada e estabilizada, ocorre a liberação para a prática do exercício físico. Bruno destaca que inicialmente o Pilates é a melhor opção pelos benefícios que traz para a coluna, mas depois dá para caminhar, correr e até praticar musculação normalmente. “Ao contrário do que muitos pensam, a melhor coisa para quem sofre de dor na lombar é se manter em movimento. Hoje o excesso de peso e o sedentarismo são fatores preponderantes nesses casos, então a simples mudança de hábitos pode trazer ótimos resultados para a saúde”, reitera.

Publicidade

generallee

Bruno Francisconi alerta, porém, para a diferença entre dor mecânica e dor química. O fisioterapeuta destaca que na Smart Fisio – ITC Vertebral o fundamental é identificar e tratar aquilo que provoca a dor, por isso a importância de uma boa investigação assim que o paciente chega para a primeira consulta. É preciso verificar se a pessoa não sofreu alguma lesão ou até mesmo se o desconforto não é fruto de outro problema, como um tumor não diagnosticado. “Quando a pessoa chega com todos os movimentos preservados e histórico de câncer na família, recomendo procurar um especialista e investigar a causa mais a fundo”, diz.

Publicidade

banner-revista-nossa-paladio-simara-junho

ITC Vertebral: 15 anos de credibilidade
Bruno Francisconi sempre teve o sonho de ter o próprio consultório de fisioterapia, no entanto as coisas se encaminharam de maneira ainda melhor. Depois de trabalhar em algumas clínicas em Jaraguá do Sul, ele se mudou para Joinville, onde ficou durante um ano e meio na franquia do ITC Vertebral na cidade. A ideia de trazer o negócio para cá surgiu em decorrência do fato de ser muito procurado por pacientes da região. “Identifiquei a carência de um especialista em coluna por aqui e decidi apostar no mercado”, diz.

bruno

Com seis especializações, Bruno opera equipamentos modernos cujos resultados são muito mais eficientes que os da fisioterapia convencional.

O profissional conta que o fato de ter especializações na área e já ter trabalhado na clínica foram fatores que facilitaram a negociação, mas não esconde o receio inicial. Ele afirma que confiava no sucesso do negócio, mas arcar com o valor de aluguel, royalties e salário de funcionários o deixava preocupado. Felizmente o retorno veio rápido e de outubro pra cá o número de pacientes cresceu bastante, surpreendendo o empreendedor. A demanda é tanta que para os próximos meses ele pretende investir em mais equipamentos e contratar outros dois fisioterapeutas – hoje ele cuida de todos os pacientes sozinho e conta com o massoterapeuta Thiago Farias no complemento dos atendimentos. “Temos muito público para isso, além do respaldo da franquia no que se refere à comunicação e mídias, contribuindo para que mais pacientes conheçam nosso trabalho”, comemora.

Publicidade

fran-site

ITC Vertebral
O Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral (ITC Vertebral) iniciou suas atividades na cidade de Fortaleza em 2005. O programa inédito de tratamento começou a ser divulgado por meio de site oficial e já em 2007 iniciou a expansão por todo o Brasil, a começar por São Paulo, Sorocaba e Manaus. Hoje o ITC Vertebral está presente em quase todos os Estados brasileiros. São mais de 75 cidades em todo o país, além de a metodologia exclusiva já ter alcançado projeções em outros países, como México, Inglaterra, Holanda, Portugal, Argentina, Chile e Venezuela, que têm solicitado palestras e cursos sobre o tratamento e já se engajam no projeto de instalação de unidades do ITC Vertebral.

btuno2

O fisioterapeuta cuida de todos os seus pacientes sozinho e conta com o massoterapeuta Thiago Farias no complemento dos atendimentos.

O instituto é afiliado à ABF (Associação Brasileira de Franquias) e em 2010 foi ranqueado pela Revista “Pequenas Empresas e Grandes Negócios” em primeiro lugar no quesito “Crescimento Econômico” e terceira posição em satisfação dos franqueados. Na edição especial do Guia de Franquias de 2015 da mesma revista, o Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral aparece classificado entre as dez melhores empresas para investir, na categoria “Saúde e Bem-estar”. A pesquisa registra as dez melhores organizações em diferentes categorias e os resultados são baseados no desempenho e qualidade das redes e no índice de satisfação do franqueado.

Publicidade

mobile_corpoativo_290x190px

O resultado funcional que o ITC Vertebral tem alcançado há mais de dez anos no que diz respeito à oferta de uma maior qualidade de vida à sociedade se reflete nos mais de 30 mil pacientes tratados com sucesso e quase 80 franqueados que formam uma equipe comprometida de forma permanente com a saúde e o bem-estar social.

Publicidade

uvel-popup

Serviço
O quê: Smart Fisio – ITC Vertebral.
Quando: De segunda a sexta-feira, das 7 às 21 horas.
Onde: Rua Marina Frutuoso, 422 – Centro.
Telefone: (47) 3017-8545.