Casal que fez parte da primeira diretoria da Scar receberá Medalha do Mérito Cultural Cruz e Sousa

Por: Eduardo Klemtz Foto: Maria Gonçalves
Compartilhe

O casal Yara e Fernando Springmann, que fizeram parte da primeira diretoria da Scar, irá receber a Medalha do Mérito Cultural Cruz e Sousa, maior honraria da área cultural em Santa Catarina concedida pelo Governador do Estado. A Medalha do Mérito Cultural Cruz e Sousa é um prêmio simbólico conferido anualmente a autores de obras literárias, artísticas, educacionais ou científicas relativas ao Estado e reconhecidas como de real valor, ou a quem tenha contribuído de modo eficaz para o enriquecimento ou a defesa do patrimônio artístico e cultural catarinense. Desde 1997, o Conselho Estadual de Cultura (CEC) faz as indicações dos agraciados.

Yara e Fernando já fizeram história em Jaraguá do Sul
O casal que cativa Jaraguá do Sul com seu charme, alegria de viver e o legado por fazer parte da primeira diretoria da Sociedade Cultura Artística de Jaraguá do Sul, conhecida como a Scar, possui uma linda história de amor. "Cheguei em Jaraguá do Sul por volta de 1952. Eu era apenas um jovem médico que não conhecia quase ninguém na cidade, as minhas noites eram regadas de um violino em um quarto alugado, não tinha companhia, foram momentos de verdadeira reflexão. O meu violino estava presente na minha vida desde criança, e sempre sonhei em participar de uma orquestra ou até mesmo uma banda, mas nunca pensei que a música se tornaria uma parte tão importante da minha vida", conta Fernando.

Com o destino agindo de uma maneira misteriosa, Fernando Springmann revela que um dos seus vizinhos, que sempre apreciou as suas noites de melodias com o violino, era um dos integrantes de um conjunto de meia dúzia de pessoas formado pela família de músicos Piazera Fischer. "Me convidaram a fazer parte do conjunto e fiquei muito feliz. Foi lá que conheci minha esposa, Yara Springman", salienta o músico. Yara e Fernando Springmann, que fizeram parte da primeira diretoria da Scar, informam ao meio de sorrisos que o fascínio pela música uniu o casal, e fez com que a sua relação se tornasse mais genuína e repleta de paixão.

O casal apaixonado menciona que ainda assistem as apresentações da Scar juntos, nunca perdendo nenhum concerto que é oferecido pelo centro cultural. "Estamos sempre apreciando o que Jaraguá do Sul tem para nos oferecer. Acho muito importante que os moradores da cidade valorizem a Scar, pois todos que assistem um espetáculo por aqui saem com uma nova visão do mundo artístico. É uma experiência linda, única, que só tem a somar na vida as pessoas", finaliza Yara.

Veja também

'Escola da Riqueza': curso no Brasil ensina como fisgar marido milionário
Definido como um 'programa de treinamento online', o curso é composto por sete módulos
Horário de verão termina neste fim de semana; ajuste seu relógio
Na virada de sábado para domingo, à meia-noite, ponteiros devem ser atrasados uma hora
Victor Chaves brinca com acusação de agressão, é criticado e rebate: 'Não houve piada'
Cantor recebeu uma série de críticas nas redes sociais
BBB19: Catarinense é eliminado do reality com mais da metade dos votos
Este foi o quarto paredão do reality show
5 lugares para tomar cerveja artesanal na rua em Curitiba
A capital paranaense conta com ótimas opções para quem curte aquela "bera" diferenciada saboreada de maneira prática e descolada