Após atuar por 40 anos no Ministério do Trabalho, Márcia Vieira inicia um novo capítulo em sua vida

Por: Revista Nossa Foto: Maria Gonçalves
Compartilhe

São quatro décadas de luta e amor pela justiça que a moldaram como uma das profissionais mais respeitadas de Santa Catarina. Márcia Vieira, aos 69 anos, ainda serve de exemplo para uma nova geração de trabalhadores que buscam um dia, possuir a credibilidade e o profissionalismo da ex-servidora pública, que decidiu encerrar a sua carreira após 40 anos de história. "Atuei no Ministério do Trabalho e possuía a função de garantir o cumprimento da legislação trabalhista, em muitas áreas. Fui apaixonada pela justiça desde cedo, fazer o certo sempre foi algo inspirador, que me serve como princípio até os dias de hoje. Como fiscal do trabalho, cabia a mim, por exemplo, verificar se as empresas disponibilizavam férias, incluíam pessoas com deficiência e aprendizes, além de garantir que não existia nenhuma forma de trabalho escravo ou infantil dentro dos locais de serviço", explica.

destaque-marcia

Considerada uma servidora pública ligada ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). O órgão público em que trabalhava tem como função principal fiscalizar a correta aplicação da lei em benefício aos direitos do trabalhador. "O meu objetivo era atuar para garantir a legalidade e a razoabilidade nas relações entre empregado e empregador, assegurando, desde o uso de equipamentos de proteção individual, pelos funcionários, até a checagem de documentos comprobatórios de recolhimento de impostos, como o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e taxas relativas à Previdência Social pela empresa, bem como a devida assinatura da carteira de trabalho e o cumprimento de acordos coletivos trabalhistas. Resumidamente, eu adequava o local de trabalho para que todos os colaboradores garantissem os seus direitos", diz.

Publicidade

kantan-gif-360x360

Márcia Vieira conta que o seu trabalho era dividido em duas camadas. Na atuação externa, basicamente após receber a ordem de serviço, Márcia precisava se deslocar até o local e fazer a auditoria. E na atuação interna, existiam algumas áreas mais específicas, são elas: Análise de Multas e Recursos, Relações do Trabalho, Chefias de fiscalização, Superintendentes e Gerentes Regionais e Secretaria de Inspeção do Trabalho. A ex-servidora pública adiciona que o auditor-fiscal de trabalho também é um agente de transformação social, pois colabora para a erradicação do trabalho análogo ao assédio e abuso moral nas relações de trabalho.

Publicidade

casa-nova-cadeirafina

Com a sensação de dever cumprido, e colecionando momentos marcantes de toda a sua trajetória, Márcia Vieira não deixa de se emocionar quando fala sobre o seu legado. "Eu sempre vou levar comigo todos esses anos de trabalho. Não foi fácil conquistar o respeito dos jaraguaenses, mas não poderia deixar de agradecê-los por fazerem parte da minha história. Fui muito feliz durante todos esses anos em que exerci a minha função como uma cidadã que preza pela justiça e a legitimidade. Começo agora um novo capítulo da minha história, e espero que ele seja tão maravilhoso quanto o que vivi no passado. Está na hora de seguir em frente, e me sinto muito feliz em ter esta chance", encerra a ex-servidora pública.

Agradecimento especial: Leonardo Vieira

Veja também

Personal trainer jaraguaense reata com Latino e cantor dispara: 'Foi mágico'
Casal se reconciliou em menos de dois meses após término
Hospital e Maternidade Jaraguá promove caminhada para sensibilizar a população em relação à prematuridade
No Brasil, cerca de 11% de todos os partos realizados são prematuros
Revista Nossa comemora 20 anos em grande estilo na Feijoada do Moa
A Revista Nossa é fruto do empreendedorismo de Moa Gonçalves
Clínica odontológica Ortocoi comemora 20 anos
O mês marca duas décadas de atuação mantendo o foco no atendimento humanizado e na busca por conhecimento
Schroeder completa 54 anos de história
Prefeito Osvaldo Jurck comenta sobre os objetivos traçados para mais um ano da cidade
Apaixonada por justiça, Geórgia Carvalho bate um papo exclusivo com a Nossa SC
Conceituada advogada jaraguaense revela o principal componente do sucesso profissional