A cultura que transforma e humaniza

Por: Eduardo Klemtz Foto: Maria Gonçalves
Compartilhe
Publicidade

dam

Com uma gestão renovada e muitos planos para aproximar ainda mais a comunidade aos valores culturais da entidade, a SCAR, responsável por atuar na formação artística das áreas das artes plásticas, dança, música e teatro, tem agora, uma personalidade bastante conhecida no meio cultural em seu comando. Gilmar Moretti, cineasta e diretor de teatro, envolvido há mais de 30 anos com a SCAR e presente na gestão do ex-presidente da entidade, Udo Wagner, é o nome que assume a presidência da Sociedade Cultura Artística. "Estar à frente da SCAR foi um processo muito natural. Estou dentro da instituição por muitos anos, acompanhei Udo Wagner como vice-presidente, e sei do legado que ele deixou. É uma grande responsabilidade dar continuidade a aquilo que vem sendo feito, temos que manter a excelência do local, e confio em toda a gestão do conselho como os meus aliados para que apenas coisas boas aconteçam. Gosto de falar que cada um de nós vai acrescentar um tijolo nessa construção, deixando ela cada vez mais bonita e completa", afirma Gilmar, sempre bem humorado.

interna-2-12

Presidente da Sociedade Cultura Artística desde junho deste ano, Gilmar Moretti comenta que um dos aspectos mais importantes de sua gestão, será o trabalho de promover a cultura de forma democrática para Jaraguá do Sul. "Aqui na SCAR, temos alunos de diversos bairros do município e até das cidades vizinhas, como Guaramirim, Schroeder, entre outros lugares. É muito gratificante quando as pessoas se interessam pelos projetos oferecidos pela nossa fundação. Consumir um pouco de cultura é importante, e transforma completamente uma pessoa. É a população e seu amor pela arte que faz a nossa entidade crescer. Queremos que todos os jovens tenham a oportunidade de conhecer o mundo artístico e passe o conhecimento para frente. Oferecemos professores talentosos e capacitados, que ampliam cultura e conhecimento para os alunos e proporcionam o envolvimento de todos os participantes com a entidade. Temos cursos nas modalidades de dança, música, teatro e artes plásticas, é uma variedade de opções e cada aluno tem a liberdade de escolher em qual área se sente mais confortável", salienta Gilmar.

interna-3-7

Atualmente, com uma moderna estrutura, Gilmar Moretti afirma que o espaço da SCAR já não é tão grande quanto parece. "Estou aqui desde o início das construções, e muitas pessoas falavam que o local estava muito ampliado, e que seria um espaço maior do que o público que teríamos. O que hoje em dia, já não é mais verdade. Temos espetáculos que lotam a casa, pois uma diversidade de admiradores querem vir apreciar um pouco da cultura local. Não são apenas jaraguaenses, mas até mesmo pessoas de outros estados, que fazem questão de conferir nossos shows e festivais, como o Jaraguá em Dança, que chamou bastante a atenção dos amantes da modalidade. Contamos também com uma ótima estrutura física, com equipamentos técnicos, como refletores, mesas de som, microfones, projetores e outras tecnologias, que deixam o espetáculo ainda mais bonito e encantador ao olhar do público", enfatiza o presidente da SCAR.

interna-21

Com a crise econômica, as finanças da entidade sofreram um pequeno impacto, mas Gilmar Moretti afirma que os alunos não acumularam nenhum prejuízo com isso. "Com a situação econômica do nosso país, sem dúvidas nenhuma é necessário se reorganizar e rever todos os nossos processos, para buscar as soluções efetivas dos problemas que acabamos tendo devido à crise. O patrocínio de projetos via leis de incentivo foi o que mais se prejudicou com tudo isso, mas com muita garra conseguimos manter nossas ações e cumprir as metas, especialmente por causa da locação para eventos, que mantém o centro cultural firme e forte e com uma boa saúde financeira", destaca Gilmar.

Publicidade

vallsa

Com uma visão centrada no futuro da entidade, o presidente da SCAR, Gilmar Moretti, afirma que grandes projetos estão em andamento, e que o próximo ano será cheio de novidades positivas. "Já estamos trabalhando no Festival de Música de Santa Catarina (Femusc), que acontece tipicamente em janeiro. O festival promete movimentar Jaraguá do Sul com uma programação que já é aguardada com interesse pela comunidade, vamos ter uma grande diversidade de opções para todos os gostos. Também já temos aprovadas pelo Ministério da Cultura as edições 2018 de nossos projetos próprios, como Música para Todos, Dentro da Dança, Orquestra Filarmônica e Orquestra Jovem. Temos certeza que as empresas parceiras e a população da região vão continuar nos apoiando para que a SCAR continue produzindo cultura em alto nível e formando cidadãos", completa.

Veja também

Augustinho Ferrari avalia os primeiros meses no comando da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer
Esporte foi a área que mais ganhou investimentos, com destaque para a revitalização da Arena Jaraguá
Profissional de vendas jaraguaense oferece marketing a partir de uma visão global para empresas da região
Cleber Belmonte e o reforço de marca das companhias
Honrando o compromisso público
Neivor Bussolaro e o processo de desburocratização para empresas
Conheça os serviços da DAM Assessoria
Compre seu carro 0km com até 30% de desconto e ainda fuja do IPVA para sempre
Defenda-se das multas de trânsito
Escritório Expresso ajuda condutores a evitarem a apreensão da carteira de motorista
Conheça o grupo GERAR
Organização será beneficiada pela Feijoada do Moa